sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Alienação Total



A alienação nos tempos atuais não é esse bicho tão feio que nos pintam. Penso que até faz bem à saúde, especialmente a mental. A irracionalidade ocupou todos os pontos estratégicos dos caminhos para uma vida melhor. Perdemos os fundamentos básicos do bom senso. Há poucos dias as autoridades de saúde pública de Cuiabá, em ampla matéria divulgada e re-divulgada pela imprensa escrita, falada e televisada, diziam que a cota de exames para mamografias realizadas pelo SUS aqui na nossa cidade só é utilizada em 30%. A ociosidade chega, portanto a incríveis 70%. Chamam à atenção da população para a importância deste exame preventivo para combater o câncer da mama e alertam que o Ministério da Saúde baixou a idade das mulheres para o exame salvador, que era de cinqüenta anos, para quarenta.

Lendo os jornais tomei conhecimento de uma campanha para a compra de um aparelho de mamografia para o Hospital do Câncer.

Se temos uma grande ociosidade na utilização desse equipamento que na rede pública é de última geração, em condições normais de saúde mental não seria o caso de utilizar o excelente mamógrafo existente no SUS e, com os recursos da campanha adquirirem outros equipamentos inexistentes? São situações tão fáceis de serem equacionadas que só a alienação nos faz cometer erros tão graves como este.

Melhorar a qualificação dos dedicados funcionários do hospital com treinamento contínuo, remuneração mais digna e oferecer melhores condições de trabalho aos seus médicos é uma conquista científica na luta contra esta doença, mais importante que a aquisição de mais uma máquina que ficará ociosa. Ou a máquina em um hospital especial, como é o Hospital do Câncer, é superior à dedicação dos seus profissionais?

O mundo hoje é dos alienados.

Gabriel Novis Neves
15-05-09

Nenhum comentário:

Postar um comentário